quinta-feira, novembro 06, 2008

Tempo dos Sentidos (Ale- 06/11/2008)


Eu era leve
Sentia o vento me soprar a face
E o aroma de todas as horas

Ouvia cada som
Emitido
Com limpeza

Eu via mais flores
Ouvia mais pássaros

E o tempo por hora parava
só para eu contemplá-lo

meus olhos eram úmidos e profundos

e a minha natureza, calma

Pra onde eu fui?
Há tempos que não me vejo
Não sabia que eu me fazia tanta falta

2 comentários:

~*Raíssa Sant'Anna*~ disse...

Nós somos necessários à nós mesmos, é pena quando descobrimos isso tarde demais...

Saudades desde já

Juliana disse...

Ah... mas qdo sabemos que estamos perdidos é mais fácil voltar pra casa. ;)