quinta-feira, março 15, 2007

Prisma (Ale - 15/03/2007)


Vim aqui pra dizer
Aquilo que nem sei por quê
Só diria ao vento

Entre lágrimas de dor
De amor
Vou falar, sofrimento

Sofrer faz parte de mim
Como se eu precisasse
Em função de existir

Porque o sentido maior
Disso tudo
É amar

E não há como amar
Sem doer
Sem chorar
Sem sorrir

O sorriso é o momento perfeito
De um amor de verdade

A paixão?
Hora grita palavras perdidas
Formando paisagens
de luz colorida

entre o olhar e o sol
entre o azul e a lágrima

chorar aproxima das cores

Sorrir, lava a alma
que um dia chorou

como água
que nasce no peito
deságua nos olhos
de quem tem amor

a dor e o sorriso
se fundem
formando um artista
ou um sonhador

9 comentários:

Brenda Cortez disse...

artista

Alessandro disse...

artista é tu! :p

O Micróbio II disse...

4 anitos... lá pelo Micróbio! :-)

Sueli Silva disse...

Ola!!
Boa Noite..Tudo bem com vc?
Passando pra conhecer...
Fiquei encantada,com seus texto e imagens
PARABENS,beijos e fica com DEUS.

Alessandro disse...

Olá Sueli,

Tudo bem sim e com vc?
Vou visitar o seu blog tb. Bjo

Gabrielle disse...

Saudades de suas inspirações... lindas palavras desse prisma.

me sensibilizou: "O sorriso é o momento perfeito de um amor de verdade"

E a ti dedico o meu mais sincero sorriso, manhinho!!

bjs.

Alessandro disse...

Sorrisos pra vc, Gabi! Bjo

Mel disse...

Encantada! Vejo cada palavra de cada estofe sendo sentida...

Sorrir e chorar, sorriso e dor, mas que contradição é o amor!
Bjs

Alessandro disse...

É mel...contradição e coerência em uma mesma força!